BÍBLIA ON-LINEbusca por palavra-chave

MENSAGENS PASTORAIS E ESTUDOS BÍBLICOS

Servindo com amor

27/02/2009 Vanessa Padilha

Servir é amar. Ou, explicado de outra maneira, se você ama, o serviço será uma conseqüência lógica e natural. Servir por alguma outra razão é simplesmente mais uma forma de legalismo, pelo qual você se esforça para ser aprovado ou aceito.

Como Cristãos, fomos chamados para expressar a nossa liberdade através do serviço amoroso. São incontáveis as oportunidades para servir. E você será surpreendido quando ao buscar a direção de Deus, vir surgir um espaço apropriado onde você poderá expressar seu amor através do serviço.

E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido. Então, enquanto temos tempo, façamos o bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé.

Gálatas 6.9,10Do livro:

Em contato com Deus - Charles Stanley

Pensamento sobre Servir...

Quando me encontrei com esse texto, me perguntei; O que tenho feito por amor ?

As minhas ações em relação ao outro tem realmente sido feitas com amor?

Quando cumprimento uma pessoa, com Bom dia, Boa tarde, Boa Noite... E quando digo Paz, estou mesmo desejando à paz aquela pessoa? É com amor que me refiro às pessoas que por mim passam e me deixam um sorriso com o qual eu também retribuo?

O que me disponho a fazer, o meu trabalho, minha faculdade o cursinho de inglês... 

Bom ao ler o texto isso ficou pulsando em mim, estou à disposição por amor ou por um legalismo, é para que as pessoas me reconheçam ou porque realmente me sinto livre desses títulos e posso fazer isso incondicionalmente? 

Independente de minhas respostas que garanto, delas não me orgulho, fiquei pensando no caminho que devo percorrer para entender que as coisas que fazemos ao Pai Celeste devem ser cheias de amor e independente de convenções, regras, imposições humanas fazemos, olhando para algo maior, a pregação de domingo falou de olhos espirituais, (eu fiquei maravilhada) enxergar o invisível, que coisa paradoxal enxergar o invisível, mas é isso! Enxergar o que não se vê alcançar com os olhos espirituais a alegria e a satisfação de Deus quando nos dispomos por amor.

O serviço que prestamos por amor não está só nas coisas espirituais, como tenho falado até aqui, está também nas coisas seculares, hoje a maioria das pessoas não tem profissões que amam, mas trabalham freneticamente condicionadas ao melhor salário. A faculdade que escolhemos hoje é a que mais cresce no mercado, investigamos quais as profissões mais promissoras as que nos colocará numa posição social que impressiona os amigos os parentes... Enfim

Mas e os profissionais apaixonados que se  entregam as pesquisas, à investigação, as descobertas? Os profissionais que se dedicam porque amam o que fazem os educadores que se interessam por seus alunos, seus pupilos, e se esforçam para conhecê-los saber dos seus sonhos suas expectativas... onde estão esses?

Quero perguntar ainda o que você tem feito por amor? Qual sua prontidão em servir?

Você tem servido com amor?

Na sua igreja, na sua casa, no seu trabalho, aos seus amigos, conhecidos, às pessoas que passam por você são alcançadas por seu amor?

E Deus tem nos dado oportunidades impares de servir por amor, não negue que essas oportunidades te tem surgido dia após dia.

Quando você é convidado para fazer uma visita, quando tem oportunidade de dar uma carona, quando te pedem uma ajuda para uma atividade na sua igreja, quando um amigo o procura para compartilhar um problema, um desabafo, ou quando a maestrina dos jovens te diz: “Estou sentindo sua falta no grupo.” (E eu sei que sente mesmo... e você sabe que faz falta lá).

Agora é fato, se você não sentir realmente de forma didática, lúdica se não tiver experimentado  o amor que Cristo Jesus tem por você, você não poderá servir por amor. Não poderá atender a todos esses pedidos com amor, Não poderá louvar por amor....

Não! Será vazio, você vai começar encontrar motivos para não servir mais, “coisas” vão te incomodar e você vai desistir, seus sentimentos supérfluos vão te convencer de que aquilo não tem sentido...

Jesus Cristo tinha muitos motivos para desistir da cruz, a dor, a solidão, a afronta, humilhação... Eram muitos e bons motivos, mas Ele não desistiu, ele serviu-nos na Cruz por amor.

E hoje? Não servimos, porque as coisas não são do nosso jeito, não servimos, porque a igreja é muito tradicional, porque o pastor não apoia os adolescentes, jovens, as irmãs do circulo de oração, porque não quero compartilhar com a hipocrisia do sistema...

Temos ideais e acreditamos que o certo é vive-los...

Os Ideais são pensamentos perfeitos, já a realidade nos aponta a imperfeição já dizia Platão. E porque desistimos quando encaramos a realidade que vai contra nossos ideais?

Porque não nos dedicamos por amor, porque esperamos sempre algo em troca de nossa disposição... Lamentavelmente não servimos por amor...

Desejo que esse texto sirva tanto para mim quanto para os que tenham se disposto a lê-lo.

Que Deus os abençoe e os abunde de seu amor Celestial

Paz e Graça 

Vanessa Padilha, é secretária do Grupo Alfa da AD Campinas  



Voltar
Rua Pr. Cícero Canuto de Lima, 160 - CEP 13036-210 - Pq. Itália - Campinas - SP - Fone (19) 3303.3500
Criação e desenvolvimento